25 de outubro de 2007

Tempo técnico

Amigos, este blog está meio capenga nos últimos dias por problemas técnicos no micro deste enfadonho escriba. Mais precisamente, o monitor resolveu esticar as canelas. O coitado, veterano de muitas aventuras, já vinha dando sinais de que o fim estaria próximo mas, sabe como é, a gente se recusa a aceitar que um ente querido esteja em seus estertores...

Assim sendo, até que um substituto à altura esteja pronto para assumir o posto (ou seja, quando der para comprar um novo), vamos ficar um pouco bissextos. Será em breve, espero.

Só para não passar batido, vamos a um bate-pronto:

Tem uns juízes (aqui e aqui) classificando a Lei Maria da Penha (aquela que tenta proteger a mulher vítima de violência doméstica, e assim denominada em homenagem a uma conterrânea) de inconstitucional e de coisas piores... Os que argumentam a inconstitucionalidade pelo menos se agarram a filigranas puramente legais, apesar de totalmente infundadas, a meu ver. O que é dose são os argumentos de um Juiz de Sete Lagoas (MG), que chegou a chamar a lei de "diabólica" e de "monstrengo tinhoso". Ora, ora, tenha santa paciência, meretíssimo. Estou me segurando para não dizer umas poucas e boas !! Isto aqui não é nem o Afeganistão da época do governo talibã, nem a Salém da queima das mulheres por bruxaria. Reacionarismo tem limites !!!


Um comentário:

Fal disse...

Ah, Luiz... eu acho que minha avozinha, aquela santa, tinha razão, e que esse mundo véio sem porteira está de patas pro ar. Como pode?? A Cam, uma blogueira genial, falou algo ótimo sobre isso
"Só digo que a minha tese de que é preciso incluir um teste psicotécnico nos concursos para a magistratura e o Ministério Público continua mais firme do que nunca."

hahaha, e não é, menino??
ela mora aqui:http://escarlates.blogspot.com

e VC, como está? Adorei o blog da sua filhinha, que coisiquita mais adorável! :o)))
beijos enormes (desculpa a demora??)
fal