12 de agosto de 2008

Georgia on my mind (or sight...)

Nesse momento, o assunto mais tratado por aí, depois das Olimpíadas, é o arranca-rabo entre Geórgia e Rússia, com Ossétia e Abcássia (ou Abicássia ou Abkhazia) como panos de fundo (epa!!!)

Não estou com muito ânimo para tratar do assunto, especialmente em profundidade, mas estava matutando aqui com meus botões se aqueles territórios valem uma guerra. Ok, quase nada justifica uma guerra, principalmente terras.

Daí, resolvi dar uma olhada nos dados geográficos e históricos da Geórgia, Ossétia do Sul e Abcássia, e descobri alguns números dignos de nota, por várias razões.

Primeiro a Geórgia. O país todo (incluído as províncias rebeldes) mede 69.700 km quadrados. Para efeito de comparação, é pouca coisa maior que a Paraíba. A população é estimada em 4.660.000 habitantes. De novo, um pouco maior que a da Paraíba. Sentiram o drama ?

A Ossétia do Sul tem 3.900 km quadrados e cerca de 70.000 habitantes. Ou seja, é menor que o Distrito Federal e tem população de menor que a bairro onde eu moro.

Já a Abcássia mede 8.600 km quadrados e tem 250.000 habitantes. Alguns bairros de porte médio em São Paulo tem mais gente ...

Procurando as origens históricas das duas regiões conflagradas, achamos também fatos interessantes. Por exemplo, parte da Abcássia situa-se na área ocupada pela antiga Cólquida. O nome parece familiar? Você já leu ou assistiu "Jasão e os Argonautas"? Pois é, aquela terra no fim do mundo onde os heróis foram procurar o Velocino de Ouro chamava-se Cólquida...

E você por acaso imaginava que os ossétios podem ser considerados nossos primos distantes? Explico: a origem do povo ossétio vem do povo alano, que habitava as estepes russas até ser expulso pelos hunos. Parte desse povo deslocou-se para o Cáucaso e fixou-se no que hoje é a Ossétia. Outra parte uniu-se a outras tribos bárbaras na invasão do Império Romano e foi parar, junto com suevos e vândalos, numa região chamada ... Ibéria. A sede do reino alano ficava onde hoje é a cidade de Beja, Portugal.

Logo...


****

Agora falando sério, aqui e aqui duas boas análises do conflito.

10 comentários:

anrafel disse...

... Logo no domingo vindouro, ao tomar o vinho portuga que agregará valor ao Gomes de Sá, brindarei à parte inteligente dos alanos, aquela que veio esbarrar na Ibéria.

No mais, a burrice do presidente da Geórgia (que nome!), a burrice dos neo-con (Dick Chenney à frente), os anteriores deslocamentos populacionais de Stálin, a russificação das repúblicas ex-soviéticas.

Putin, como todos os outros, tem em mente um negócio chamado "Grande Rússia".

Luiz disse...

anrafel,

Nem me fale hoje em vinho...

Tomei ontem um chileno que realmente não desceu bem.

anrafel disse...

No Aurélio aqui do computador só encontrei 'russificar', embora já tenha lido por aí 'russionalizar'. Bom, vejam aí o mais correto.

anrafel disse...

No Aurélio aqui do computador só encontrei 'russificar', embora já tenha lido por aí 'russionalizar'. Bom, vejam aí o mais correto.

anrafel disse...

Caceta, duplicou.

candidouvido disse...

Olá Luiz , tudo bem?
Em primeiro lugar, fico muito feliz pela quantidade de visitas a seu blog.
Em segundo, não entendi muito bem o intuito deste post.
Anrafael, nos comentarios deu um mote, que creio não estar explícito no post, mas que você, por omissão, de certa forma autorizou, a tal da russificação.
Porém creio se tratar de uma questão mais ampla.
Não quero entrar em polêmica, mas a questão energética, antes da questão étnica, deva ser levada em conta nesta deflagração de guerra.
E Israel inevitavelmente é o pivo.
A classificação da Geógia como Ibéria vem do Gregos,e tem como motivo a a identificação daquela região com o cristianismo. Nada a ver com os povos ibéricos que conhecemos.
A questão maior é que Israel, apartir de 2007
passou a investir em um canal energético, que juntamente com a Turquia, trasnsportaria gás, petróleo, eletricidade, água e etc.
A guerra da Geógia tem a complexidade energética como motivo. embora o que esteja à venda sejam as etnias.

Abraços carinhosos

Luiz disse...

Olá amigo Candido, que sumiço foi esse? Senti falta de suas intervenções... E a família, tudo em ordem?

A idéia do post era ser mais sugestivo e bem-humorado do que explícito (lembre que esse é um produto "Made in Ceará", então...). Por isso algumas das idéias que você citou ficaram realmente de fora ou muito escondidas.
O caso da russificação é um deles (eu escrevi algo sobre isso, meio "en passant", num comentário no blog do Pedro Doria). Também acho que não explica todo o problema.
Que Israel tem participação decisiva nesse conflito, não há a menor dúvida, mas claramente foi uma aposta errada dos israelenses jogar suas fichas nesse maluco presidente da Georgia. Até este artigo do Haaretz já reconhece o erro:
http://www.haaretz.com/hasen/spages/1011720.html .
Tem também a questão do cerco americano à Russia, especialmente insuflando certos setores nas ex-repúblicas e em países da ex-Cortina de Ferro.
E quando eu citei Iberia no post, era a "nossa" Iberia, a terrinha, que foi o destino de parte dos alanos. A Iberia georgiana realmente só causava confusão entre os geógrafos...

Abração e volte SEMPRE.

Pax disse...

Bem, é um assunto que conheço tão pouco que os poucos números me foram realmente surpresas.

O blog do Luiz é cultura. E entretenimento. Um bom blog de um bom colega.

Vinhos? Tomei esses dias um dos melhores de todos os tempos, um chileno orgânico: Natura +Plus.

Procurem na Internet que acham. Um amigo que mora no Chile trouxe. Realmente muito diferente e muito bom.

Anônimo disse...

Realmente blog informativo aqui meu amigo. Eu só queria comentar e dizer que manter a qualidade do trabalho. Eu tenho bookmarked seu blog só agora e eu vou voltar para ler mais no futuro, meu amigo! Ainda bem escolhidas cores sobre o tema que vai bem com o blog na minha modesta opinião:)

Anônimo disse...

[url=http://www.onlinecasinos.gd]Online casinos[/url], also known as accepted casinos or Internet casinos, are online versions of household ("pal and mortar") casinos. Online casinos approve gamblers to warpaint the borough red and wager on casino games downright the Internet.
Online casinos typically submit on the supermarket odds and payback percentages that are comparable to land-based casinos. Some online casinos drag notoriety to on higher payback percentages applicable work automobile games, and some impel known payout surplus audits on their websites. Assuming that the online casino is using an correctly programmed unspecific epitomize up generator, count games like blackjack demand an established billet edge. The payout volume as a replacement in the affect of these games are established lifestyle the rules of the game.
Innumerable online casinos sublease or fabricate their software from companies like Microgaming, Realtime Gaming, Playtech, Intercontinental Pull the wool over someone's eyes Technology and CryptoLogic Inc.