1 de junho de 2007

Chá de simancol

Essa eu li no Noblat : os ministros do Supremo desistiram, na última hora, de autorizar uma compra de veículos com blindagem para utilização por eles mesmos em Brasília. Um dos ministros teve o bom senso de perguntar qual seria a reação da opinião pública.

Economia de R$ 1.700.00,00 para os cofres "públicos".

Enquanto isso, na licitação para aquisição de 200 veículos para a PM do Ceará, o contribuinte pode morrer com uns R$ 6.000.000,00 a mais do que o necessário. Por que? Simples, o edital exigiu que os veículos tivessem câmbio automático e tração 4X4 tempo integral.

Caro leitor, pense rápido e responda: é necessário que veículos policiais destinados a rondas e perseguições tenham uma configuração tipo Toyota Hilux ? Quanto tempo vocês acham que tais veículos resistiriam aos maus tratos e péssima manutenção que nossas polícias , regra geral, oferecem à suas viaturas ?

Para não acharem que é implicância, leiam essa coluna, especializada em veículos, do jornal O
Povo.